Nº 234 - 3 de Setembro de 2010

 

Aprovada proposta de Capoulas Santos de criação de um "Erasmus" para jovens agricultores
 
Por proposta conjunta do eurodeputado socialista português Capoulas Santos e da irlandesa Mairead McGuiness, a Comissão de Agricultura do Parlamento Europeu aprovou esta semana, por larga maioria, uma dotação de 1 500 000 euros a incluir no Orçamento 2011 da UE para o lançamento de um projecto-piloto à escala europeia, a desenvolver no próximo ano, vindo estimular a troca de experiências entre os jovens agricultores europeus, semelhante ao programa "Erasmus" destinado a jovens universitários. Segundo os proponentes, o projecto-piloto visa permitir o intercâmbio de conhecimentos entre os jovens agricultores dos diferentes Estados-Membros da UE, com vista à incorporação de práticas que lhes permitam enfrentar melhor os desafios do presente e do futuro, em particular no que diz respeito ao uso de energias renováveis, à redução da biodiversidade e à captura de carbono.
 

Ana Gomes propõe resolução sobre situação dos Roma na Europa
 
A Deputada Ana Gomes, membro do Grupo de Trabalho sobre Extremismo, Populismo, Nacionalismo e Xenofobia, propôs que o Grupo Socialista Europeu defenda a aprovação de um debate, na próxima sessão plenária, sobre a situação dos Roma na Europa, à luz da recente campanha xenófoba movida pelo Presidente Sarkozy. O debate foi entretanto aprovado, por iniciativa do Grupo Socialista, com o apoio de outros Grupos políticos. Ana Gomes visitou a Colômbia, de 20 a 25 de Julho, integrada numa delegação de parlamentares e sindicalistas europeus, organizada pela ONG Justiça para a Colômbia. A delegação reuniu com sindicalistas, activistas da sociedade civil e cidadãos, incluindo familiares de pessoas desaparecidas, torturadas ou assassinadas. A delegação esteve também com o Presidente entretanto investido Juan Manuel Santos e os seus Vice-Presidente e Ministro das Relações Exteriores. O programa incluiu ainda uma visita à aldeia da Macarena, no sul do país. Segundo Ana Gomes, "vimos aí um cemitério com centenas de tabuletas de corpos não identificados, junto a uma base das Forças Armadas Colombianas. Estão a fazer-se exumações, por ordem judicial, por suspeita de ali se encontrarem os restos mortais de centenas de camponeses da região, dados como desaparecidos, alguns assumidamente assassinados pelo exército colombiano".
 
 

Edite Estrela nomeada para o Prémio Eurodeputados 2010
 
Edite Estrela é a única Deputada portuguesa nomeada para o "Prémio Eurodeputados 2010" promovido pela revista "The Parliament" em conjunto com o Parlamento Europeu. A eurodeputada socialista portuguesa está designada, juntamente com outras duas parlamentares, na categoria Emprego e Assuntos Sociais, área onde se tem distinguido, designadamente, na promoção da igualdade de género, na defesa dos direitos sociais dos trabalhadores e na protecção da maternidade e paternidade. De recordar que Edite Estrela é a relatora do Parlamento Europeu para a Directiva "Licença de Maternidade". O Prémio Eurodeputados tem como objectivo reconhecer o trabalho dos Deputados ao Parlamento Europeu que se tenham distinguido nas respectivas áreas de actuação. Da "lista final" fazem parte 39 parlamentares de várias nacionalidades e Grupos políticos designados em várias categorias da cultura à energia passando pela economia, justiça, saúde, entre outras. Os vencedores nas diferentes categorias serão anunciados numa cerimónia em finais de Setembro. As nomeações foram submetidas por organizações não governamentais, associações internacionais, organizações sindicais e por grupos de interesse que colaboram activamente com os parlamentares europeus.
 

Correia de Campos participa em reunião preparatória da 2ª Cimeira Europeia de Inovação
 
O Deputado Correia de Campos participou esta semana na reunião de Direcção do K4I- um Fórum do Parlamento Europeu que se dedica à temática da inovação. Nesta reunião foi preparada a Segunda Cimeira Europeia de Inovação, que terá lugar em Bruxelas, em Outubro, e que reunirá jovens estudantes e cientistas, representantes da indústria e decisores políticos, num evento que visa promover uma Europa mais inovadora. A Cimeira focará áreas de importância estratégica para os cidadãos europeus, como sendo a energia, a agricultura, o envelhecimento da população, a mobilidade na Europa, numa perspectiva de promoção da competitividade global. Nesta Cimeira, Correia de Campos presidirá a duas sessões que focarão por um lado, temas que se prendem com a cooperação internacional para a inovação, e por outro, o desenvolvimento e adopção de novas estratégias para um melhor financiamento da inovação.
 

Vital Moreira defende que a Esquerda deve ter uma política de consolidação orçamental
 

Intervindo esta semana na reunião do Grupo Socialista no Parlamento Europeu, Vital Moreira discordou da tendência do grupo para atacar a disciplina orçamental e a consolidação das finanças públicas impostas pela União Europeia. Vital Moreira defendeu que são errados os pressupostos em que assenta aquela tendência. Primeiro, a disciplina orçamental e a consolidação das finanças públicas não são valores de direita, nem de esquerda, mas antes exigências de uma virtuosa gestão das finanças públicas. Em segundo lugar, a disciplina orçamental e a consolidação das finanças públicas não vão contra o crescimento económico e a criação de emprego, antes pelo contrário, são uma condição essencial. Os défices excessivos e o crescimento da dívida pública põem em perigo o rating de crédito dos países, dificultam e encarecem o acesso aos mercados financeiros, para os Estados, os bancos e as empresas, constrangem o investimento e o consumo. "O que devemos acentuar é, portanto, a diferente perspectiva de esquerda quanto à concretização da disciplina orçamental e de consolidação orçamental, quanto ao modo de aumentar a receita e diminuir a despesa, de forma a penalizar o menos possível os direitos sociais e o investimento público com mais potencial de dinamização da economia", afirmou.

 

Luís Paulo Alves promove estágios no PE para jovens açorianos
 
Luís Paulo Alves assinou recentemente um Protocolo com a Associação Regional Parlamento Europeu dos Jovens dos Açores e a Direcção Regional da Juventude, no sentido de proporcionar aos jovens açorianos licenciados na área dos Assuntos Europeus a oportunidade de realizarem um estágio profissional semestral remunerado no seu gabinete em Bruxelas, no Parlamento Europeu. Este pretende ser um programa contínuo durante o mandato revestindo-se de grande importância para o futuro dos Açores. De acordo com o Deputado, esta iniciativa "é uma nova oportunidade para os jovens nos Açores recém-licenciados em áreas determinantes no seio da União Europeia. Esta nova oportunidade visa não só proporciona-lhes uma experiência profissional directa nas instituições europeias, como também permitir alargar o número daqueles que na Região se especializam nas matérias europeias, dominam o processo de construção e o modo de decisão na União, o que é fundamental para os Açores". Os estágios vão permitir aos formandos ganhar - para além dos conhecimentos que adquiriram durante os seus estudos - o conhecimento in loco dos assuntos europeus e das instituições europeias, bem como obter uma experiência prática do trabalho no Parlamento Europeu. A nível regional a Associação Regional PEJ Açores será responsável pela integração dos jovens açorianos neste estágio e a Direcção Geral da Juventude comparticipará as viagens iniciais e finais entre os Açores e Bruxelas de modo a facilitar a integração dos jovens neste programa de estágios.
 

Breves
 

Vital Moreira presidiu esta semana à reunião da Comissão do Comércio Internacional do Parlamento Europeu, estando na agenda, entre outros temas, a futura política europeia de investimentos internacionais.

Luís Paulo Alves realizou recentemente uma visita às ilhas do Corvo e das Flores estabelecendo contactos com as populações e efectuando diversas reuniões com movimentos associativos e entidades públicas. O Deputado afirmou no início deste périplo que “Bruxelas tem que escutar com a mesma atenção as opiniões e as necessidades de um corvino ou de um florentino como escuta as de um alemão ou de um francês. Esta CE e este Conselho Europeu dominados pelos princípios liberais estão a esquecer as dificuldades das pessoas, estão a esquecer os cidadãos da Europa na luta contra esta crise. A Europa jamais terá futuro se não for solidária sobretudo com os seus cidadãos".

 
 

Se não conseguir visualizar correctamente este email clique aqui

Para mais informações consulte a página dos Socialistas Portugueses no Parlamento Europeu: http://www.delegptpse.eu/pspe/
Para remover o seu email desta mailling list por favor clique aqui


Ao abrigo do decreto/lei 67/98 de 26 de Outubro, de regulação do tratamento automatizado de dados de carácter pessoal, o utilizador poderá aceder aos seus dados, rectificar ou cancelar os mesmos.