Nº 126 - 12 de Outubro de 2007

 

HOMENAGEM A FAUSTO CORREIA
Até sempre, Camarada!
 
O eurodeputado socialista Fausto Correia faleceu esta semana em Bruxelas. A Delegação Portuguesa do Grupo do PSE no Parlamento Europeu está de luto. Fausto Correia é insubstituível e deixa um enorme vazio. Homem bom e de afectos, generoso, grande amigo de enorme coração, Fausto Correia foi o exemplo do político empenhado, socialista, europeísta convicto, defensor dos valores da igualdade, liberdade e fraternidade. Lutador incansável e cidadão de profundas convicções, republicano e democrata com amigos em todos os partidos políticos, grande português e sempre dedicado à vida pública e cívica de Coimbra e da sua região. É uma grande perda. Uma perda irreparável para a democracia portuguesa, para o PS, para o Parlamento Europeu e para a Delegação Portuguesa do Grupo do PSE. Fausto Correia deixa muitas saudades.
Até sempre, Camarada!
 
A Delegação Portuguesa do Grupo do PSE
 

HOMENAGEM A FAUSTO CORREIA

Sempre em defesa dos princípios republicanos e da democracia
 

Fausto Correia foi eleito Deputado ao Parlamento Europeu em 2004. Membro do Grupo do PSE, foi também membro da Comissão das Liberdades Cívicas, Justiça e Assuntos Internos e da Delegação do Parlamento Europeu para as Relações com a Comunidade Andina. Foi suplente na Delegação para as Relações com o Mercosul e da Delegação à Assembleia Parlamentar Euro-Latina-Americana.
Natural de Coimbra, Fausto Correia foi advogado e consultor de empresas. Jornalista do "República", co-fundador de "A Luta" e chefe da Delegação Regional Centro da ANOP - Agência Noticiosa Portuguesa, regeu a cadeira de "Iniciação ao Jornalismo" no Liceu D. Duarte, em Coimbra. Durante quase nove anos, de 1983 a 1992, fez parte dos sucessivos Conselhos de Administração da RDP - Radiodifusão Portuguesa. Desde Abril de 1992 até Outubro de 1995 , foi Vice-Presidente da Direcção-Geral da Agência Lusa de Informação.
Fausto Correia foi várias vezes eleito Deputado à Assembleia da República. De Outubro de 1995 até Outubro de 1999, exerceu as funções de Secretário de Estado da Administração Pública. Entre Outubro de 1999 e Abril de 2002 foi, sucessivamente, Secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares, Secretário de Estado Adjunto do Ministro de Estado e Secretário de Estado Adjunto do Primeiro-Ministro.
Militante do PS desde 1974, foi,  desde 1992 até 2000, Secretário-Coordenador da Federação Distrital de Coimbra, cargo que já desempenhara entre 1978 e 1980 e que voltou a exercer entre Março de 2002 e Abril de 2003. Foi membro do Secretariado Nacional do PS desde Março de 1994 e da respectiva Comissão Permanente desde 1996 e até ao último Congresso Nacional, em 2002, onde foi eleito membro da Comissão Nacional e da Comissão Política Nacional.
Foi igualmente Vogal da Junta Distrital de Coimbra, Vice-Governador Civil de Coimbra, Presidente-Substituto e Vereador da Câmara Municipal de Coimbra, Deputado à Assembleia Municipal de Coimbra e membro da Direcção do Instituto de Imprensa Democrática (IID). Foi Deputado à Assembleia Municipal de Miranda do Corvo e Presidente da Mesa da Comissão Política da Federação de Coimbra do PS.
Fundador e Presidente da Direcção do Forum Conimbriga, foi dirigente da Associação Académica de Coimbra, co-fundador do Clube Académico de Coimbra e vice-Presidente da Assembleia Geral da Académica/Organismo Autónomo de Futebol; foi membro do Conselho Nacional de Solidariedade Afro-Lusitana. Foi Presidente da Direcção da Associação Académica de Coimbra/Organismo Autónomo de Futebol até Outubro de 1995. Foi Presidente da Mesa da Assembleia Geral da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Coimbra durante vários mandatos e era Presidente da Assembleia Geral do Olivais Futebol Clube.

No Parlamento Europeu houve homenagens ao eurodeputado socialista. O Plenário do PE respeitou um minuto de silêncio. Também o Grupo do PSE prestou homenagem respeitando um minuto de silêncio.

 
 
O corpo do eurodeputado Fausto Correia chega hoje, sexta-feira, 12 de Outubro, às 21h15, a Lisboa, aeroporto de Figo Maduro. Haverá uma cerimónia à chegada, no hangar AT 1.
Em seguida será transferido para Coimbra, para o Pavilhão da Associação Académica de Coimbra, onde ficará em câmara ardente até sábado, 13 de Outubro, às 15h, saindo depois o funeral para o Cemitério de Santo António dos Olivais (Coimbra).
 

Se não conseguir visualizar correctamente este email clique aqui

Para mais informações consulte a página dos Socialistas Portugueses no Parlamento Europeu: http://www.delegptpse.eu/pspe/
Para remover o seu email desta mailling list por favor clique aqui


Ao abrigo do decreto/lei 67/98 de 26 de Outubro, de regulação do tratamento automatizado de dados de carácter pessoal, o utilizador poderá aceder aos seus dados, rectificar ou cancelar os mesmos.