PSPE
PSPE
12 Jun
Geórgia: “Temos de passar das palavras aos atos”

Geórgia: “Temos de passar das palavras aos atos”

Ana Gomes defendeu um apoio eficaz da Europa à Geórgia de forma a garantir a integridade territorial daquele país depois da invasão russa que ocorreu há 10 anos.

 

“Temos de passar das palavras aos atos, não só para apoiar eficazmente a integridade territorial na Geórgia, mas para combatermos estrategicamente o regime de Moscovo, que tal como interfere na Geórgia e Ucrânia, interfere na União Europeia fomentando e financiando forças xenófobas, racistas e populistas para a destruir a nossa união”, afirmou.

 

A deputada entende que União Europeia tem de atender ao pedido que chega de Tbilisi, do governo e da oposição “singularmente unidos” e aplicar a Otkhorozia-Tatunashvili List, inspirada no Magnitsky Act.

 

“Com sanções direcionadas sobre os esbirros que assassinam, prendem ou torturam cidadãos da Geórgia na Ossétia do Sul e na Abkhazia, zonas ilegalmente controladas por Moscovo, poderemos ajudar a fazer justiça às vítimas da estratégia imperialista de Putin”, argumentou.

 

Ana Gomes sugeriu que as sanções “devem incluir proibições de entrada na União Europeia e o congelamento de contas bancárias ou ativos que estes criminosos detenham em Estados Membros, em resultado de esquemas corruptos e de branqueamento de capitais”.

 
 
 

Inscreva-se e receba notícias dos Socialistas Portugueses no Parlamento Europeu